Thursday, October 19, 2017
EDUARDO MATARAZZO SUPLICY

A maratona de Suplicy: carta a Doria sobre reintegração na zona leste

outubro 04, 2017

O vereador Eduardo Suplicy vai enviar uma carta ao prefeito João Doria para denunciar a falta de assistência às famílias desalojadas na reintegração de posse do terreno na comunidade São Leopoldo, na região de Itaquera, na zona leste de São Paulo.

Segundo o vereador Alessandro Guedes (PT), que esteve no local, a assistência social ás cerca de 500 pessoas foi precária, em uma “reintegração de posse completamente injusta e desumana”

Guedes relatou que houve truculência de alguns policiais militares. “A PM está despreparada para lidar com questões sociais. Uma polícia que é paga para proteger o cidadão, fala grosso com moradores inocentes e afina para os poderosos, uma total inversão de valores”, escreveu o vereador em seu perfil no Facebook.

Suplicy leu a carta na sessão desta quarta-feira (04/10), na Câmara Municipal. O texto, assinado por Suplicy, Guedes e a vereadora Soninha Francine (PPS), pede providências à Prefeitura de São Paulo para assistir às famílias desalojadas, oferecendo apoio e solidariedade.

Na sessão, Suplicy também registrou o seu voto contrário a uma proposta de mudança de nome da ponte Cidade Universidade, na Marginal do Pinheiros.

Ainda na noite desta quarta-feira, Suplicy recebeu em seu gabinete funcionários de cemitérios da cidade, que serão alvo de concessões por parte da prefeitura, de acordo com projeto aprovado na Câmara Municipal. Há preocupação em relação a demissões e mudanças na forma de administrar os locais.

 

Intagram